Você está aqui: Página Inicial > Notícias > CEDH Unespar certifica I Curso de Capacitação para Monitores de Dança no Haiti

Geral

CEDH Unespar certifica I Curso de Capacitação para Monitores de Dança no Haiti

Geral

publicado: 12/02/2015 18h44 última modificação: 30/10/2018 12h10

A Profa. Andréa Sério, coordenadora do Centro de Educação em Direitos Humanos (CEDH) da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), ministrou o I Curso de Capacitação para Monitores de Dança da região metropolitana de Porto Príncipe – Haiti. O Curso foi realizado com sete líderes comunitários daquele país e teve como objetivo possibilitar a continuidade das ações de dança iniciadas com a participação do Projeto de Extensão: “Limites em Movimento: corpo em questão”, da Unespar, convidado a integrar o Programa “Criança que Dança – Haiti 2018”, promovido pelo Instituto Insiste.

 O projeto de extensão “Limites em Movimento: corpo em questão” desenvolve procedimentos metodológicos de criação em dança, fundamentados na convivência da diferença dos corpos, possibilitado a inclusão de pessoas com deficiência na dança. Essa experiência foi partilhada pela Profa. Andréa Sério- coordenadora do projeto de extensão- e pela integrante do projeto Claudia Fantin – que é uma bailarina cadeirante- em orfanatos da cidade de Porto-Príncipe e também com jovens de diferentes  comunidades haitianas, na sede da ONG Vivario – Haiti.

 As ações incluíram oficinas, apresentações de dança,  cursos de capacitação e promoveram trocas artísticas com mais de 200 pessoas nas comunidades haitianas. O principal objetivo foi criar um ambiente acolhedor e transformador da realidade, promover a convivência na diferença entre as pessoas e suas culturas e criar condições para que o encontro entre a arte produzida por brasileiros e haitianos fosse uma experiência inspiradora para a vida.

De acordo com a professora Andréa Sério,  as ações de dança geraram muita empatia entre os participantes e, com apoio da ONG Vivario- Haiti, já é possível pensar na continuidade dessas trocas de saberes, por meio remoto, pelo acesso à internet disponibilizado aos líderes comunitários na ONG. A manutenção do contato da Unespar, principalmente com esses líderes comunitários haitianos, é muito importante para garantir a continuidade do trabalho iniciado com as crianças daquela comunidade.

 O Haiti é o país mais pobre das Américas,  sofre com inúmeras catástrofes naturais e concentra um grande número de crianças órfãs e com deficiência adquiridas principalmente nas catástrofes. O Paraná é um dos estados brasileiros que mais recebe imigrantes refugiados do Haiti.

 Acompanhe a Unespar nas redes sociais

www.facebook.com/UnesparOficial

www.twitter.com/UnesparOficial