Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Unespar aprecia quatro novas propostas de mestrado

Geral

Unespar aprecia quatro novas propostas de mestrado

Geral

publicado: 12/02/2015 18h44 última modificação: 30/10/2018 12h06

A criação de programas de pós-graduação stricto sensu é uma das prioridades da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) e tem pautado grande parte das ações e das políticas protagonizadas pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG). Com dois programas em nível de mestrado já em funcionamento, a instituição prepara-se para ampliar os cursos disponíveis. Quatro propostas foram recebidas para apreciação da PRPPG, que serão posteriormente encaminhadas para avaliação do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) e Conselho Universitário (COU).

As propostas são de diferentes áreas do conhecimento, resultado da atuação dos grupos de trabalho de Pós-Graduação que envolvem docentes de diversos campi. Foram encaminhadas propostas das áreas de Ciências Ambientais, História, Geografia e Música, coordenadas nos campi de Paranaguá, Campo Mourão e Curitiba I. Além das quatro a serem enviadas à CAPES, a pró-reitoria vem acompanhando as atividades de outros seis Grupos de Trabalho: Artes, Ciências Sociais Aplicadas, Educação, Ensino, Letras e Matemática.

Segundo o reitor, professor Antonio Carlos Aleixo, a pós-graduação stricto sensu oferece mais condições para o desenvolvimento da pesquisa na universidade. “A universidade é espaço de produção de pesquisa e conhecimento, e os programas de mestrado e doutorado possibilitam isso. Por isso, nosso objetivo também é ofertar a pós-graduação para consolidar e fortalecer a Unespar, bem como atender as exigências do Conselho Estadual de Educação”, pontua.

O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Frank Antonio Mezzomo, salienta que ao longo de três anos a universidade trabalha com foco na implantação, sobretudo, de cursos de mestrado. “A pró-reitoria tem acompanhado as discussões desde o início e oferecendo apoio constantemente para que as propostas sejam constituídas e fortalecidas”, comenta.

Entre as ações para impulsionar a pesquisa e a pós-graduação na Unespar consta a realização anual do Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação. Em outubro, o evento completa a quinta edição. O objetivo é discutir a pesquisa e o fortalecimento dos grupos que vêm trabalhando na elaboração das propostas de mestrado, mediante contatos com consultores externos, diálogos com coordenadores de programas stricto sensu já consolidados, além de discussões sobre diretrizes e orientações publicadas por agências reguladoras da pós-graduação no Brasil.

Mezzomo destaca ainda a abertura de editais destinados exclusivamente para o fortalecimento dos grupos de trabalho. Um deles, com direcionamento de recursos da Unespar, foi o apoio para a publicação de coletâneas produzidas no âmbito das ações dos grupos de trabalho e dos dois mestrados já existentes. Houve ainda o edital de apoio para tradução de artigos científicos para publicação em periódicos qualificados e pagamento de taxas para publicação. Ainda em fevereiro, a PRPPG lançou o edital para apoio de pesquisa básica e aplicada. “O foco é criar condições para os professores desenvolverem de forma articulada suas pesquisas. Todo nosso trabalho é planejado a partir de metas a serem desenvolvidas em curto, médio e longo prazo”, completa o pró-reitor.

Cronograma – Primeiro as propostas serão apreciadas pela pró-reitoria e conselhos superiores da Unespar. De acordo com a PRPPG, todas as propostas, ainda, serão submetidas à avaliação de consultores externos ad hoc, quando então poderão ser enviadas à CAPES, observando o calendário de submissão a ser publicado no próximo mês. Depois, a agência federal emite parecer sobre a autorização do início dos programas de pós-graduação stricto sensu em todo o país.

Programas atuais – Os mestrados em oferta na Unespar funcionam nos campi de Paranavaí e Campo Mourão. O de Paranavaí está iniciando a quarta turma e abrange as áreas de licenciatura. O objetivo é formar professores com conhecimento interdisciplinar. Em Campo Mourão, o mestrado em Sociedade e Desenvolvimento agrega profissionais da licenciatura e do bacharelado.