Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Pesquisa revela panorama da saúde dos trabalhadores da Unespar

Geral

Pesquisa revela panorama da saúde dos trabalhadores da Unespar

Geral

publicado: 15/03/2017 20h38 última modificação: 15/03/2017 20h54
Exibir carrossel de imagens Professora Maria Antonia coordena a aplicação e análise dos dados

Professora Maria Antonia coordena a aplicação e análise dos dados

A ansiedade é um dos principais problemas enfrentados pelos trabalhadores da Universidade Estadual do Paraná (Unespar) quando o assunto são as condições de saúde. A constatação integra o resultado preliminar da pesquisa desenvolvida pelo Programa Saúde do Trabalhador. De acordo com a coordenação, pelo menos 51,8% das pessoas que participaram disseram sofrer com o transtorno.

Segundo a professora do colegiado de Enfermagem, a psicóloga Silvia Marini, nem sempre a ansiedade se caracteriza como um sintoma exclusivo. “Em muitos casos ela pode estar vinculada a outras formas de sofrimento de ordem pessoal e até profissional. Portanto, o acompanhamento especializado vai possibilitar o diagnóstico da origem, nível e tratamento necessário”, detalha.

Entre os índices, a pesquisa também identificou que 26,9% dos professores e agentes universitários apresentam nível de colesterol aumentado; 25,4% possuem diagnóstico de hipertensão; 10,7% referiram depressão e 8,6% afirmaram ser portadores de diabetes.

Outro dado que se destaca na pesquisa é que 73,2% responderam que cuidam da saúde todos os dias. No entanto, quando questionados sobre a frequência com que praticam atividades físicas, 26,4% disseram nunca praticar atividade física; 29,8% praticam de 1 a 2 vezes na semana e apenas 2% dos trabalhadores afirmam realizar atividade física todos os dias.

Panorama da Unespar
A pesquisa foi aplicada a partir de um formulário on-line, entre agosto e setembro de 2016, para todos os sete campi. No total, 307 pessoas responderam as perguntas e a coordenação efetuou primeiro o cálculo dos participantes individualmente e depois estabeleceu a média dos dados.

No que se refere à idade, por exemplo, a média foi de 45,43 anos, sendo a idade mínima de 20 anos e a máxima de 67 anos. Dentre os sexos, a maior adesão da pesquisa foi com o público feminino representado por 67,1%.

Com o cálculo médio do peso, obteve-se o resultado de 73,17 kg, sendo o mínimo de 45 kg e o máximo de 107 kg. Já a altura média dos trabalhadores chegou a 1,66 m.

O Índice de Massa Corporal (IMC) médio, indicador que verifica o estado nutricional, chegou a 25,99. Considerando a tabela da Organização Mundial da Saúde (OMS), o grupo classifica-se no sobrepeso.

Avaliação
Como o trabalho é central na vida do ser humano, a coordenadora do projeto e diretora do Centro de Ciências da Saúde, professora Maria Antonia Ramos Costa, explica que o objetivo foi construir um panorama da situação em que se encontram os servidores da instituição para elaborar um planejamento adequado com as necessidades identificadas.

“Com os dados, constata-se alta prevalência de fatores de risco para doenças crônicas, em especial doenças cardiovasculares. Portanto, percebemos que será fundamental um trabalho para incentivo de hábitos saudáveis de vida, em especial, a prática de atividade física”, afirma a coordenadora acrescentando que a atividade física é uma estratégia que pode minimizar os fatores de risco das doenças crônicas entre os trabalhadores.

Programa
O programa Saúde do Trabalhador da Unespar foi lançado em junho de 2016 por meio de uma parceria entre a Pró-reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp) e o Centro de Ciência da Saúde do campus de Paranavaí. O objetivo inicial é caracterizar o perfil sócio demográfico e epidemiológico, bem como identificar a presença de fatores de risco na saúde. Na sequência, serão propostas atividades permanentes voltadas à saúde do trabalhador da universidade.

De acordo com o vice-reitor, professor Sydnei Kempa, a ideia do programa é proporcionar uma melhor qualidade de vida aos professores e agentes universitários da universidade por meio das atividades que serão realizadas.

Acompanhe a Unespar nas redes sociais
www.facebook.com/UnesparOficial
www.twitter.com/UnesparOficial