Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Representantes da Unespar tomam posse no Conselho Estadual dos Direitos do Idoso do Paraná

Geral

Representantes da Unespar tomam posse no Conselho Estadual dos Direitos do Idoso do Paraná

Geral

publicado: 01/04/2015 17h21 última modificação: 18/05/2015 14h33

O Conselho Estadual dos Direitos do Idoso empossou, no dia 25 de março, os novos conselheiros do órgão para o mandato do biênio 2015-2017. A solenidade aconteceu no Palácio das Araucárias, em Curitiba, e contou com a presença da secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, e da procuradora Rosana Beraldi Bevervaço, representante do Ministério Público.

“Recebemos com muita alegria a responsabilidade de promover e garantir os direitos do Idoso no nosso Estado. Estamos comprometidos nesse grande desafio que é executar o Plano Estadual dos Direitos do Idoso, esse documento tão importante, construído e pactuado com a sociedade civil e poder público”, destacou a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Social.

Tomaram posse doze representantes da sociedade civil, eleitos no último dia 4, e doze representantes governamentais, nomeados pelo governador do Estado. O evento também elegeu o novo presidente do Conselho, José da Silva Araújo, representante da Associação Social do Paraná, e Gilson Fernando Gomy de Ribeiro, da Associação Nacional de Gerontologia do Paraná, como vice-presidente.

Representando a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, foram empossadas a agente universitária Jandira Gonzaga e a professora Gislaine Vagetti, da Universidade Estadual do Paraná, Unespar.

CEDI - O Conselho Estadual dos Direitos do Idoso é um órgão colegiado de caráter público e permanente, composto de forma paritária com representantes de secretarias de Estado e de organizações não governamentais. No Paraná, ele integra a estrutura da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social.

Sua função é deliberar e fiscalizar a execução das políticas de defesa dos direitos da pessoa idosa. Além da Seds, a política para a pessoa idosa é executada pelas secretarias da Educação, Segurança Pública, Esporte, Agricultura e Abastecimento, Cultura, Saúde, Ciência e Tecnologia, Justiça e Indústria e Comércio.