Você está aqui: Página Inicial > PROJETOS > CEDH > DIREITOS HUMANOS EM REDE

Geral

DIREITOS HUMANOS EM REDE

por publicado: 22/04/2020 15h53 última modificação: 07/04/2021 16h31

DIREITOS HUMANOS EM REDE: propostas para atravessar o isolamento 

Manter a conexão, o afeto, a proximidade em relação aos problemas que nos tocam, movem e limitam como seres humanos. Uma tarefa que precisa de cuidado diário e que já é repleta de desafios no cotidiano presencial. Como manter nossa sensibilidade, reflexão e ação em relação aos direitos humanos mesmo em situação de isolamento social? Sabemos que em muitos casos o isolamento só amplia situações de desigualdade e vulnerabilidade. Neste sentido, o CEDH desenvolveu a série de lives DIREITOS HUMANOS EM REDE, inspirado em ações iniciadas nas disciplinas de Educação em Direitos Humanos, Cidadania e Diversidades I e II, propostas pelo CEDH no campus de Curitiba II. Essa série  reuniu acadêmicos(as), líderes de movimentos sociais, artistas e ativistas, em permanente compartilhamento e trocas de informações. Estes encontros se tornaram boias de salvamento e nortes de novos rumos para atravessarmos juntos(as) o distanciamento social, experiência que, em alguma medida, é vivenciada por todas as pessoas neste momento, mas, é também, condição de vida para inúmeros grupos marginalizados pela naturalização do não pertencimento .

A diversidade e profundidade das contextualizações realizadas nesses encontros virtuais foram fruto do trabalho comprometido com uma educação humanizada da rede de profissionais que integram os Núcleos de Educação Especial Inclusiva – NESPIs, os Núcleos de Educação para Relações de Gênero – NERGs e os Núcleos de Educação para Relações Étnico-Raciais – NERAs dos Centros de Educacão em Direitos Humanos – CEDHs locais, constituídos nos campi de Apucarana, Campo Mourão, Curitiba I, Curitiba II, Paranaguá, Paranavaí e União da Vitória, em colaboração com inúmeros grupos de pesquisas institucionais. A acessibilidade comunicacional desses encontros foi realizada pelos profissionais Tradutores(as) Intérpretes de Libras: Dinair Iolanda da Silva Natal, Fernanda Figueiredo, Jaqueline Araújo e Wagner Silva Machado. 


ENCONTROS ONLINE REALIZADOS ENTRE ABRIL E NOVEMBRO DE 2020. 

GÊNERO, SEXUALIDADE, DIREITOS HUMANOS E ARTE: ENTRE RASTEIRAS E RESILIÊNCIA

 

CORPOS E TERRITÓRIOS: DIREITOS HUMANOS E A PRESENÇA PRETA EM FOCO

 

PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR


IMPACTOS DA PANDEMIA NA VIDA DE TRABALHADORXS DA ARTE E CULTURA

 

SOFRIMENTO EMOCIONAL E MUNDO ACADÊMICO


PROJETO DE EXTENSÃO: UM AESCOLA PELAS DIFERENÇAS

 

SUICÍDIO: PRECISAMOS FALAR SOBRE ESTE TEMA

 

ATENDIMENTO À MULHER VÍTIMA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA: CONSTRUINDO UMA REDE DE PROTEÇÃO

 

COTAS RACIAIS: POR UM EXISTIR NEGRO NAS UNIVERSIDADES

 

UNESPAR E SAÚDE MENTAL EM TEMPO DE PANDEMIA

 

DORES E RESISTÊNCIAS NEGRAS EM TEMPOS DE PANDEMIA


A RESISTÊNCIA CABLOCA NO CONTESTADO EM TEMPOS DE PANDEMIA

 

EDUCAÇÃO E DESCOLONIZAÇÃO: DA TAREFA DE REENCANTAR O MUNDO

 

PANDEMIA, ANCESTRALIDADE E A CURA DA HUMANIDADE

 

DIREITOS HUMANOS E VIVÊNCIAS UNIVERSITÁRIAS

 

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER: ATUALIZANDO OLHARES E COMPREENSÕES

 

HUMANOS DE DIREITOS E SUAS VIVÊNCIAS COM OS DIREITOS HUMANOS